UM CAMINHO NO MEIO DA TEMPESTADE - Fonte da Vida

Seja o primeiro a comentar

UM CAMINHO NO MEIO DA TEMPESTADE

UM CAMINHO NO MEIO DA TEMPESTADE

UM CAMINHO NO MEIO DA TEMPESTADE

*Bp. Paulo Sérgio

O apóstolo Paulo fala em 2 Coríntios 10:3-4: “Pois, embora vivamos como homens, não lutamos segundo os padrões humanos. As armas com as quais lutamos não são humanas; pelo contrário, são poderosas em Deus para destruir fortalezas.”

Nesses tempos difíceis que estamos atravessando, declaramos que Deus tem um caminho na tempestade. A tempestade vêm como uma nuvem das trevas, uma ação maligna! Devemos pedir perdão e clamar pela misericórdia de Deus. Que Ele nos aprovisione para repreender e vencer as forças malignas que estão agindo por trás dessa tempestade.

O mundo natural está sujeito ao mundo espiritual

A Palavra diz que há o mundo espiritual e o natural. Essa virose acontece no mundo natural e todas as prevenções devem ser tomadas. Somos humanos, assim como a Palavra diz, e por isso, no momento, estamos realizando os cultos online, cumprindo o isolamento social temporário. A humanidade está tomando ações preventivas. É necessário, mas não suficiente. Temos armas poderosas em Deus, como afirma o apóstolo Paulo. É importante nos revestirmos das armaduras de Deus.

Efésios 6:10-13- “Finalmente, fortaleçam-se no Senhor e no seu forte poder.
Vistam toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do diabo, pois a nossa luta não é contra pessoas, mas contra os poderes e autoridades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais. Por isso, vistam toda a armadura de Deus, para que possam resistir no dia mau e permanecer inabaláveis, depois de terem feito tudo.”

Estamos numa batalha espiritual

Percebemos que também estamos numa batalha espiritual. A humanidade está mais vulnerável por causa das circunstâncias – temores, pânicos, preocupações… – , algumas até irracionais e exageradas, a pandemia do vírus somada a pandemia do pânico.
Sabemos que por trás, tanto do vírus (que não deve ser desprezado), quanto da humanidade, existe aquele que veio para matar roubar de destruir. Então, o apóstolo Paulo nos orienta a pegarmos nossas armas espirituais. Infelizmente, aqueles que não conhecem a Jesus, ainda não conhecem essas armas. Mas a igreja do Senhor conhece, e, por isso, fazemos essa campanha “Um caminho no meio da tempestade”, levantando um clamor, pois esse caminho será revelado para nós e para toda a humanidade. Quem sabe a confirmação plena e total da cura? Já há medicamentos aparecendo. Quem sabe uma vacina? E essa pandemia irá retroceder, a humanidade irá voltar ao seu curso normal e, certamente, as pessoas serão mais sensíveis à Palavra de Deus.
Cremos que no meio da tempestade, Deus será glorificado. Mas temos que pegar nossas armas, nos revestir (mente, coração e vida) das armaduras de Deus, unidos em espírito, seja no culto online, nas três orações diárias, ou nas lives com o nosso apóstolo @apcesaraugusto. Alguns conselhos para usarmos as nossas armas são:

Guarde sua mente e seu coração em Cristo Jesus

Isaías 8:12-13 () -“Não chamem conspiração tudo o que esse povo chama conspiração; não temam aquilo que eles temem, nem se apavorem. Ao Senhor dos Exércitos é que vocês devem considerar santo, a ele é que vocês devem temer, dele é que vocês devem ter pavor.”

Que possamos revestir mente e coração desta palavra, pois temos um Deus Vivo, que nunca é surpreendido e protege todos nós. Mesmo no meio da tempestade, nessas circunstâncias ruins, Deus tem cuidado de você e da sua família. Não deixe que os temores e o pânico destruam a sua confiança e fé em Deus. Ele é vivo, estar sempre presente, é amor e não se esqueceu de você, nem da humanidade. Ele tem um caminho na tempestade!
Estamos juntos, clamando que o Senhor mostre esse caminho. Vamos passar a tempestade, prevalecendo em nome de Jesus. Deus é Deus. Ele está acima de tudo e nós estamos protegidos pelo sangue de Jesus. Continuaremos confiante no Senhor, assim como diz Davi em Salmos 27:3: “Ainda que um exército se acampe contra mim, meu coração não temerá; ainda que se declare guerra contra mim, mesmo assim estarei confiante.”; “O Senhor é a minha salvação… A quem temerei?” (Sl 27:1). Não temas, não deixe esse clima de terror dominar o seu coração, nem destruir a sua fé.

Não deixe o medo te paralisar

Mantenha a fé, confiança e serenidade, o profeta Isaías diz: “Não temas, você tem um Deus” (Isaías 41:10); o Senhor diz: “Se passares pelo fogo, não te queimarás, e se passares pelas águas não te afundarás” (Isaías 43:2). Estamos debaixo dessa palavra, independente das circunstâncias que nos cercam.


Como diz o apóstolo Paulo em Filipenses 4:7 – “E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os seus corações e as suas mentes em Cristo Jesus”. Quando o seu coração começar a entrar em pânico e a sua mente perder a serenidade e a racionalidade, ore e peça para que Deus guarde seu coração e sua mente em Cristo Jesus.


A Palavra diz que Jesus está assentado à direita do Pai. Ele está acima de toda opressão e de todo poder maligno. Se você tem uma pessoa enferma na família, continue confiando, talvez não possa ir onde ela se encontra agora, por causa do acesso limitado aos hospitais, mas a sua oração chega até onde ela está, o Espírito de Deus, chega lá. Mantenha a confiança (a paz de Deus, que excede todo o entendimento), se as pessoas te questionarem dizendo que você não está temendo, não está preocupado, responda-lhes que, certamente você está, mas que também está confiante em Deus, guardando a sua mente e seu coração debaixo do poder da Palavra de Deus.

Pensar nas coisas do alto

Colossenses 3:1 – “Portanto, já que vocês ressuscitaram com Cristo, procurem as coisas que são do alto, onde Cristo está assentado à direita de Deus.”

Em Efésios 1, também declara que estamos assentados à direita de Deus. Nós temos esse Deus, temos essas armas, temos esse poder, não em nós, mas em Cristo Jesus, de permanecer confiantes, de pensar nas coisas do alto. É importante não deixar a leitura da palavra, ouvi-la e fazer os três momentos de oração por dia. Não pensar só em morte, em vírus, em crise, mas pensar nas coisas do alto, que geram esperança. A nossa vida está em Cristo e Ele está acima de toda a tempestade, e podemos por meio dessa confiança ter sabedoria e segurança para tomar decisões sensatas, para ver portas se abrindo no meio da crise, para ver Deus nos dando condições de superar as dificuldades sem perder a nossa fé e confiança.

Lembremos que em Filipenses 4:8 a Palavra diz: “Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas”. Vamos meditar na Palavra e deixá-la acalmar o nosso coração, deixar nossa mente ser tomada pela Palavra de Deus, pois isso é guardar a nossa mente e nosso coração.

Davi aprendeu isso, como podemos ver em Salmos 57:1: “Misericórdia, ó Deus; misericórdia, pois em ti a minha alma se refugia. Eu me refugiarei à sombra das tuas asas, até que passe o perigo.”

A tempestade vai passar

Talvez sua alma esteja agitada e seu coração trêmulo. Realmente as circunstâncias não são simples, é uma equação difícil de resolver, mas com a força e a fé em Deus a solução virá. Esse perigo irá passar e você terá a sua mente e o seu coração guardados em Cristo Jesus.
Declare Salmos 57:5 “Sê exaltado, ó Deus, acima dos céus! Sobre toda a terra esteja a tua glória!” na sua casa. E que a Glória dEle invada as casas e toda a terra, tirando todo temor e enfermidade, traga paz nas ondas impetuosas que vieram sobre a humanidade. Que a Glória de Deus prevaleça sobre o mal, sobre as trevas e poderes malignos, em nome de Jesus. Há um caminho na tempestade!
Prosseguindo nos versos 6 e 7 de Salmos 57, vemos: “armadilhas para os meus pés; fiquei muito abatido. Abriram uma cova no meu caminho, mas foram eles que nela caíram. Meu coração está firme, ó Deus, meu coração está firme; cantarei ao som de instrumentos!” A glória de Deus levará a humanidade a sair mais forte e mais aberta para seu Criador depois dessa tempestade.

O exemplo de superação do rei Josafá

Em 2 Crônicas 20, aprendemos com o exemplo de um rei, homem de Deus, que se uniu ao sacerdote e ao profeta, venceu uma situação semelhante a que nós estamos passando, um temor eminente, um perigo grande que se aproximava, e ele não tinha como, humanamente, superar aquela guerra. “Depois disso, os moabitas e os amonitas, com alguns dos meunitas, entraram em guerra contra Josafá. Então informaram a Josafá: “Um exército enorme vem contra ti de Edom, do outro lado do mar Morto. Já está em Hazazom-Tamar, isto é, En-Gedi”. (2 Cr 20:1-2)

Lute com as armas espirituais em unidade com a igreja

Temos que pegar nossas armas espirituais, nos unir em oração, manter-nos firmes com nossas atitudes naturais (prevenção, cuidados), mas não deixar a mente e o coração serem dominados pelo temor, nem pelo pânico, nem pela irracionalidade. Quando relataram a Josafá que milhares vinham contra ele e estavam se aproximando, ele imediatamente buscou ao Senhor. Vemos no verso 12 de 2 Cr. 20 que Josafá não tinha um exército e estratégia humana para vencer aquele perigo e adversário. Como nós hoje, podemos ver o esforço coletivo das autoridades da saúde e dos governos, mas eles não têm, ainda, uma solução, uma estratégia clara para vencer esse mal, assim como Josafá não tinha força para enfrentar aquele exército: “Ó nosso Deus, não irás tu julgá-los? Pois não temos força para enfrentar esse exército imenso que está nos atacando. Não sabemos o que fazer, mas os nossos olhos se voltam para ti”

Mantenha os olhos firmes no Senhor

Parece muito com o que estamos vivendo. Não sabemos o que fazer, nem temos os recursos para superar esse mal, entretanto, assim como Josafá, reconhecemos a falta de força e limitações, voltando os nossos olhos para o Senhor.
Talvez, nesse momento você esteja lembrando de alguém – um parente, pessoa querida, um colega profissional, um(a) amigo(a) – que está passando por essa situação, mas que não está ouvindo essa palavra, compartilhe e incentive a participar dos cultos onlines. Há um caminho na tempestade! Vamos fazer o que Josafá fez! A atitude que ele teve deve ser seguida nos dias atuais – guardar a mente e o coração, confiar em Deus. Ele não ignorou o mal que se aproximava, mas percebeu que aquilo que não podia fazer, Deus faria por ele; preferiu tirar os olhos do temor e do pânico e colocá-los no Senhor. Não ignorando o mal, nem sendo negligente: “Alarmado, Josafá decidiu consultar o Senhor e proclamou um jejum em todo o reino de Judá. Reuniu-se, pois, o povo, vindo de todas as cidades de Judá para buscar a ajuda do Senhor.”
Josafá tinha a certeza do poder de Deus. E convidou o povo a olhar para Ele, busca-Lo e clamá-Lo. E, nesses dias, somos milhares de pessoas jejuando, juntas com o nosso apóstolo César Augusto, a Fonte da Vida online, unidos em espírito e em oração, clamando ao Senhor que afaste essa praga, guarde a humanidade de uma calamidade, que seja liberada a cura, o medicamento, o tratamento adequado e que o Senhor coloque em ordem o que está fora de lugar, em nome de Jesus.
E foi isso que Josafá fez, versos 5 e 6: “Então Josafá levantou-se na assembléia de Judá e de Jerusalém, no templo do Senhor, na frente do pátio novo, e orou: “Senhor, Deus dos nossos antepassados, não és tu o Deus que está nos céus? Tu governas sobre todos os reinos do mundo. Força e poder estão em tuas mãos, e ninguém pode opor-se a ti.”
Todas as nações estão sob a mão poderosa de Deus. Somos milhares de cristãos orando para que essa praga saia e a humanidade tenha de paz, saúde e prosperidade.
2Cr 20:12-13 -“Ó nosso Deus, não irás tu julgá-los? Pois não temos força para enfrentar esse exército imenso que está nos atacando. Não sabemos o que fazer, mas os nossos olhos se voltam para ti”. Todos os homens de Judá, com suas mulheres e seus filhos, até os de colo, estavam ali de pé, diante do Senhor.”

Estamos de pé diante do Senhor, não estamos prostrados

Que Deus julgue toda potestade e todo poder maligno que vem roubar e destruir uma geração, sonhos e gerar pânico nos corações. Nós estamos em pé, diante do Senhor. Você não está prostrado, derrotado e dominado pelo medo e insegurança. A Fonte da Vida está de pé diante do Senhor, o povo de Deus está de pé diante do Senhor. Como Josafá, nossos olhos estão em Deus e veremos a glória dEle tornar o mal em bem, em nome de Jesus.
“Então o Espírito do Senhor veio sobre Jaaziel, filho de Zacarias, neto de Benaia, bisneto de Jeiel e trineto de Matanias, levita e descendente de Asafe, no meio da assembléia. Ele disse: “Escutem, todos os que vivem em Judá e em Jerusalém e o rei Josafá! Assim lhes diz o Senhor: ‘Não tenham medo nem fiquem desanimados por causa desse exército enorme. Pois a batalha não é de vocês, mas de Deus. Amanhã, desçam contra eles. Eles virão pela subida de Ziz, e vocês os encontrarão no fim do vale, em frente do deserto de Jeruel. Vocês não precisarão lutar nessa batalha. Tomem suas posições; permaneçam firmes e vejam o livramento que o Senhor lhes dará, ó Judá, ó Jerusalém. Não tenham medo nem se desanimem. Saiam para enfrentá-los amanhã, e o Senhor estará com vocês’ “. Josafá prostrou-se, rosto em terra, e todo o povo de Judá e de Jerusalém prostrou-se em adoração perante o Senhor.” (2Cr 20:14-18)

Esta batalha não é de vocês, mas do Senhor

O Espírito está vindo sobre o seu lar, sua casa para aquietar o seu coração. Fazemos aquilo que está ao nosso alcance, mas quando nossas forças e recursos não são suficientes, continuamos clamando a Deus, e Ele vencerá essa batalha. Há um caminho na tempestade e esse caminho foi o Senhor quem construiu. Podemos orar, louvar, reunir-nos online e clamar juntos ao Senhor. Temos que tomar posição nesses dias, em torre de oração três vezes ao dia. Quando Josafá viu a grandeza e o poder de Deus se prostrou. Deus é maior que os temores. Ele tem um caminho na tempestade na sua vida financeira, na sua saúde, para você, seus filhos e sua Igreja.
“De madrugada partiram para o deserto de Tecoa. Quando estavam saindo, Josafá lhes disse: “Escutem-me, Judá e povo de Jerusalém! Tenham fé no Senhor, o seu Deus, e vocês serão sustentados; tenham fé nos profetas dele e vocês terão a vitória”.”(2 Cr. 20: 20). Tenha fé nessa palavra profética que está sendo liberada sobre sua vida e terá vitória.
Assim como vimos em Salmos 107:28-30: “Na sua aflição, clamaram ao Senhor, e ele os tirou da tribulação em que se encontravam. Reduziu a tempestade a uma brisa e serenou as ondas. As ondas sossegaram, eles se alegraram, e Deus os guiou ao porto almejado.”
Voltando à 2 Crônicas 20:21-22 “Depois de consultar o povo, Josafá nomeou alguns homens para cantarem ao Senhor e o louvarem pelo esplendor de sua santidade, indo à frente do exército, cantando: “Dêem graças ao Senhor, pois o seu amor dura para sempre”. Quando começaram a cantar e a entoar louvores, o Senhor preparou emboscadas contra os homens de Amom, de Moabe e dos montes de Seir que estavam invadindo Judá, e eles foram derrotados.”

O louvor libera o poder de Deus
O vale da morte se tornou o vale da bênção

Cante mais alto quando sua alma estiver abatida, quando sua mente não conseguir raciocinar e quando os temores começarem a dominar o seu coração. Cante louvores ao Senhor e os inimigos cairão diante de ti, e você terá um caminho seguro e reto diante de Deus. Nossas armas são poderosas em Deus! Vamos declarar juntos que os inimigos cairão.

“No quarto dia eles se reuniram no vale de Beraca, onde louvaram o Senhor. Por isso até hoje ele é chamado vale de Beraca. Depois sob a liderança de Josafá, todos os homens de Judá e de Jerusalém voltaram alegres para Jerusalém, pois o Senhor lhes enchera de alegria, dando-lhes vitória sobre os seus inimigos.” (2 Cr 20:26-27)

O vale que seria da destruição, se transformou em vale da bênção. O inimigo se levanta por um caminho, mas fugirá por sete. Vamos juntos declarar que há um caminho na tempestade!

*Bispo Paulo Sérgio é presidente institucional da Igreja Apostólica Fonte da Vida, coordenador ministerial no Distrito Federal e engenheiro civil.

Os comentários estão desativados.